Criações culinárias que são praticamente arquitetura comestível

Aqui estão as magníficas criações culinárias de Dinara Kasko, uma chef de cozinha ucraniana, seus trabalhos podem ser classificados como uma arquitetura comestível, de tão impecáveis. Com formas geométricas precisas e texturas refinadas, Dinara Kasko desenvolve sobremesas e doces inovadores, experimentando sempre novas técnicas.  Confira mais das obras da artista em seu Instagram.

arquitetura-comestivel17arquitetura-comestivel-15arquitetura-comestivel-14arquitetura-comestivel-13arquitetura-comestivel-11arquitetura-comestivel-10arquitetura-comestivel-9arquitetura-comestivel-8arquitetura-comestivel-7arquitetura-comestivel-6arquitetura-comestivel-5arquitetura-comestivel-4arquitetura-comestivel-3arquitetura-comestivel-2arquitetura-comestivalarquiterura-comestivel-12

A culinária de Ed Bing Lee

Trabalhando com fibras e linhas desde a década de 1980, Ed Bing Lee a princípio usava os materiais para tecer imagens bidimensionais. Segundo conta em seu site, o processo criativo com nós multicoloridos se aproximava, em certos aspectos, do pontilhismo de Seurat. Mas esse trabalho evoluiu cada vez mais para obras esculturais em três dimensões.…

8-bit para o jantar

Que Jude Buffum é o artista dos geeks todo mundo sabe. Afinal, suas ilustrações em 8-bit entregam logo de cara a paixão que tem por videogames antigos. Mas o que poucos conhecem é seu lado culinário. Brincadeiras à parte, a mais recente série de ilustrações de Buffum realmente traz os games para dentro da cozinha.…

A culinária simplificada

O inventivo fotógrafo Carl Kleiner, que já teve seu trabalho publicado aqui, desenvolveu recentemente um livro de receitas diferente de qualquer outro que você já tenha visto. Criado em parceria com Evelina Bratell para a marca de móveis IKEA, a publicação leva o nome de “Hembakat är Bäst” (“feito em casa é melhor”, em tradução…