Barbies assassinas

por Zupi

Bonecas assassinas e assustadoras não são novidade – lembram-se da coleção Creepy Dolls?

Pois bem; a fotógrafa canadense Mariel Clayton também aprecia a arte de transfigurar bonecas, mas para criar suas imagens bizarras escolheu a Barbie, boneca mais querida e conhecida do mundo. Em seu trabalho, a artista contrasta o doce sorriso no rosto das loiras com o cenários super bizarros que revelam cenas de assassinatos cruéis.

Mariel escolheu trabalhar com Barbies porque as considera a imagem eternizada da mulher superficial e fútil, criada para ser uma dona de casa perfeita. “O sorriso vazio pintado de batom e os olhos sem alma escondem o coração negro de uma verdadeira sociopata, assim como na vida real.” É, ela realmente odeia a boneca.

image

image

image

image

A fotógrafa, que recebe muitas críticas negativas, declara que não é feminista e nem tem a intenção de transmitir uma mensagem através de seus trabalhos: “Só estou tentando me divertir e compartilhar essa diversão com os outros”.

image

image

image

 

Via

+ Informações:
Site: Mariel Clayton
Flickr: Mariel Clayton

Storyboard de Banksy

Pintando sobre vinis